08 dez 2021

Eletrobras, Copel e Noenergia recebem Selo Empresa Pró-Ética 2021

Prêmio vai para quem se destaca em programas de compliance e combate à corrupção

Fonte: CANALENERGIA

Eletrobras, Copel e Neoenergia receberam da Controladoria Geral da União o selo de Empresa Pró-Ética 2021. o prêmio é concedido para as empresas que se engajam no combate à corrupção e se esforçam em possuir programas de integridade efetivos. A participação no Programa é voluntária e realizada por meio do preenchimento de questionários de avaliação. Na edição 2020-2021, 327 empresas de todos os tamanhos e setores solicitaram acesso ao programa. Desse total, 195 foram admitidas e após avaliação, 67 foram aprovadas e reconhecidas como Empresa Pró- Ética 2020-2021. CPFL Energia, Enel, Santo Antônio Energia, Siemens e Solví também foram contempladas.

Para a Eletrobras, a obtenção do selo reconhece as suas ações em prol do fortalecimento da ética e integridade e premia o fortalecimento da governança corporativa, sustentada por valores éticos e práticas íntegras adotadas no dia a dia. Além da Eletrobras, as controladas Furnas e Eletronorte também obtiveram o selo nesta edição.
De acordo com a o diretor de Governança, Risco e Compliance da Copel, Vicente Loiácono Neto, é o segundo ciclo consecutivo que a estatal paranaense figura na lista, o que demonstra o compromisso cada vez maior da empresa com a prevenção e o combate à corrupção. O relatório final entregue ao prêmio representa uma das principais ferramentas para aprimoramento do Programa de Integridade da Copel e para definições de novas metas.

Na Neoenergia, que também teve as suas distribuidoras Neoenergia Coelba (BA), Neoenergia Pernambuco, Neoenergia Elektro (SP) e Neoenergia Cosern (RN) contempladas, o CEO Mario Ruiz-Tagle comemorou a conquista. Para ele, o

reconhecimento reforça o programa de compliance da empresa, responsável por elaborar e revisar os códigos de conduta, as políticas de integridade e seus procedimentos relacionados e valoriza o constante trabalho na identificação, na avaliação e na mitigação de riscos de não conformidade.
Ainda de acordo com o executivo, receber o prêmio é o coroamento de uma série de ações empreendidas nos últimos anos, inserindo a empresa em um alto patamar de responsabilidade e engajamento, garantindo a aderência aos princípios da legalidade e de combate à corrupção. O superintendente de Compliance da Neoenergia, Roberto Medeiros, também ressaltou a importância desse reconhecimento para a companhia. Segundo o executivo, a ética faz parte das decisões da Neoenergia e norteia a realização dos negócios e relações com clientes, acionistas, executivos, colaboradores, fornecedores, mercado e entes públicos.

O ministro da CGU Wagner Rosario, ressaltou a importância para o país de empresas comprometidas com a ética e integridade. Para ele, a semana alusiva ao Dia Internacional Contra a Corrupção, comemorado em 9 de dezembro, é fundamental para que todos reflitam sobre as consequências da corrupção para o país e o que ela gera de atraso, desigualdade social, má aplicação de recursos e destruição de um ambiente íntegro de negócios, entre outros aspectos.

Scroll Up